Edição Nº: 4658 - Sexta-Feira e Sábado, 19 e 20 de Abril de 2013
 
Aumento do preço da erva-mate assusta apreciadores do chimarrão

Indústria diz que aumento do preço é devido a redução da oferta. Consumidores começam a pesquisar variações nos supermercados. A erva-mate teve um grande aumento no valor de compra para os consumidores. Para os fabricantes, a justificativa está na falta de matéria-prima e no reajuste dos custos de produção. Nos supermercados, a procura pela erva apresenta queda.
Descontentes com os preços, que em algumas redes mercadistas ficam entre R$5,00 e ultrapassa dos R$8,00 por quilo, os consumidores já compram menos. "Está muito caro, apesar de ter o hábito, vou ter que reduzir", comenta uma consumidora.
Entre os principais fatores que contribuíram com o preço elevado da erva-mate está a estiagem em 2011, que dificulta o desenvolvimento vegetativo da planta, já que ela demora de 18 a 24 meses para ser colhida. A elevação no preço da soja, na região das Missões também valorizou a matéria-prima no Vale.
O aparecimento de pragas, devido ao uso de tecnologias por parte dos agricultores dificultou a produção da erva. A planta passou a ser utilizada em outros subprodutos, como ração animal e cosméticos. Além disso, a erva é produzida nas pequenas propriedades rurais e há redução na oferta de mão-de-obra.


 
< Página Principal 
 
Folha de Quaraí O Jornal da Comunidade
Av. Artigas esq. Fco Carlos Reverbel - Quaraí, RS
Telefone: (55) 3423-5593 - Todos os Direitos Reservados ® 2011 - 2018
Tecnologia Web: Franco Sampaio Tecnologias de Informação